Enquete

Você se sente ou já se sentiu assediado moralmente no banco?

BB aumenta a provisão e o lucro cai

O Banco do Brasil tenta esconder. Mas o fato é que o lucro líquido de R$ 8,034 bilhões no ano passado só não foi maior porque as Provisões de Crédito de Liquidação Duvidosa elevaram consideravelmente.

A PCLD - o valor que as empresas separam para possíveis calotes - saiu de R$ 23 bilhões em 2015 para R$ 31 bilhões em 2016, alta de 33% em apenas um ano. Como não poderia deixar de ser, a decisão teve grande impacto no resultado do ano passado.

Os impactos do aumento excessivo das provisões vão além do lucro. Com o movimento, a imagem do BB cai para a sociedade. Tudo o que o governo Temer quer. Reduzir a importância dos bancos públicos e abrir caminho para a privatização.

Tem mais, a elevação da PCLD mexe ainda com o bolso do funcionário. O crescimento das provisões necessariamente reduz o lucro e, portanto, diminui a PLR a ser distribuída entre o quadro de pessoal.

Fonte: Sindicato dos Bancários da Bahia
03/03/2017

Tags: banco do brasil

Voltar